#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » O Dia do Corinthians e a Prepotência de um Deputado

O deputado Federal e superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez (PT-SP), teve a "magnifica" ideia de criar um projeto de lei que sugeria que o dia  de Setembro fosse marcado como o dia do Corinthians. Que carinha mais prepotente!


Não conheço pessoalmente o deputado, também não tenho nada contra o mesmo, contudo uma pessoa que se elege para projetar leis que colaborem para o crescimento do país e não o faz, me deixa extremamente amargurado em relação ao mesmo, que ao invés de pensar na federação, pensa no seu clube de futebol. Ora tem cabimento?

Será que o Andrés Sanchez não percebeu que sua atitude coloca em saia justa todos os outros deputados representantes dos outros estados? Pois se tem que ter o dia do Corinthians, é lógico que vão cobrar o dia dos outros milhares de clubes do futebol nacional. O Corinthians no futebol é grande, mas não é maior que o Brasil. Andrés Sanchez ta confundindo a badalação do esporte com os afazeres da política. O Brasil não gira em torno do Corinthians e de nenhum outro clube de futebol, acorda deputado, não seja prepotente!

Enfim, depois dessa ideia sem cabimento e com uma opinião publica contrária o seu pensamento, o tanto quanto arrogante, Andrés Sanchez, resolveu retirar da câmara dos deputados seu projeto de lei, dizendo que não era seu e sim do Deputado Antonio Goulart (PSD-SP) que o pediu para apoiar e assinar. Andrés também avaliou que não era o momento político ideal para levar a diante esse projeto. 

Concordo! Não era o momento ideal como também nunca vai ser! Nunca será para o Corinthians como para qualquer outro clube de futebol nacional, um projeto tão individual e desrespeitoso em relação as outras agremiações. 

Peter Müller é âncora e repórter, escreve todas as segundas para o portal da Rede Contínua.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply