#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » O vexame do 7 a 1 não foi o suficiente


Por Guilherme Silva (silvaguis) em 31/03/2015

A Seleção Brasileira sofreu, na última Copa do Mundo, disputada em casa, uma derrota histórica e vergonhosa: 7 a 1 para a Alemanha em uma semifinal do torneio mais importante de seleções. Mas, pelo que vejo, isso ainda não foi o necessário para que alguns caiam na real para a decadência que está o futebol brasileiro comandado pela CBF, que também coordena a Seleção.

Dunga que foi chamado para ser o técnico do Brasil após a Copa, teve um início de trabalho que deixou muita gente empolgada: até agora são oitos jogos com oito vitórias. Óh, que sensacional! Ninguém lembra que essa mesma Seleção venceu os últimos nove amistosos antes da Copa do Mundo. E deu no que deu.

Onde eu quero chegar com isso? É simples... Enquanto vocês comemoram essa “ótima” e “grandiosa” sequência da nova era da Seleção Brasileira, o futebol jogado aqui continua, e sem perspectivas de mudança, uma lástima. Nesse primeiro semestre do ano, por exemplo, estamos acompanhando os estaduais. Estaduais com públicos vergonhosos, futebol que faz o programa do Gugu ganhar na audiência em concorrência com ele, desorganização nas tabelas dos campeonatos, gramados horríveis, ingressos caros e por aí vai...

O 7 a 1 eu sei que não serviu de nada para a CBF, Federações Estaduais e clubes, mas e para quem acompanha futebol? Também não? Olhos fechados para o baixo nível do futebol por aqui? Estão mesmo empolgados com esses números de Dunga e cia ou é muita carência por aquela derrota contra os alemães?

O momento da Seleção Brasileira é de empolgar os ignorantes, mas o futebol brasileiro é de se lamentar para os sábios. E o vexame do 7 a 1, realmente, não foi o suficiente.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply