#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » Obrigado, Charles Miller!

Hoje é dia 14 de abril. Aparentemente, um dia comum aqui no Brasil. Mas não é não. Hoje faz exatamente 120 anos que foi realizada a primeira partida de futebol aqui na terra de Vera Cruz. Faz 120 anos que rolou o melão pela primeira vez no país do futebol. Era um domingo de outono, perto da várzea do Carmo, no centro de São Paulo. Foi lá que se iniciou a história da maior das nossas paixões: o futebol.

Charles Miller, com apenas 21 anos, reuniu alguns funcionários da São Paulo Railway e colocou pra rolar uma das duas bolas que trouxera da Inglaterra, junto com o livro de regras do esporte. Onze para um lado, onze para o outro e vamos que vamos. Não se sabe ao certo se o terreno era batido ou gramado, nem o lugar exato da histórica peleja, mas fato é que aqueles 22 heróis deveriam ter estátuas em tamanho real, se não em praça pública, ao menos no Museu do Futebol.

O futebol nos emociona, nos entristece e nos decepciona. O futebol é a vida em 90 minutos. Comédia e drama. Os dirigentes pilantras insistem em fazer mal aos nossos clubes e nós nos calamos. Pagamos R$200,00 num ingresso, R$170,00 numa camisa oficial, R$350,00 num pacote do Pay Per View. Apanhamos da polícia militar e também não nos incomodamos. O Estado maltrata. O clube maltrata. A televisão maltrata. E nós nunca deixamos de amar o futebol.

Como dizia o genial escritor uruguaio, Eduardo Galeano, que faleceu ontem pela manhã “a grande virtude do futebol é a capacidade de surpreender, de provocar assombro, de permitir o milagre, de saber que o impossível pode acontecer. É uma das atividades humanas mais imprevisíveis que existem. Daí o sucesso popular mundial.” Brilhante definição, Galeano!

Tenho certeza absoluta que Charles Miller não imaginava a importância daquele “joguinho” realizado em 1895. Aqueles descendentes de ingleses, irlandeses, inconscientemente transformaram a cultura do país. Hoje Brasil é sinônimo de futebol. Está enraizado nas nossas favelas. O presente preferido das crianças ainda é a bola.

Se passaram 120 anos e nós ainda somos o país do futebol! Apesar dos 7 x 1 que tomamos dia após dia. São 5 Copas do Mundo. Temos Pelé, Tostão, Zico, Sócrates, Neymar e muitos outros craques. Milhões de sorrisos pelo encontro da bola com a rede. O futebol é a melhor invenção da humanidade. Em algum lugar do paraíso, receba meu muito obrigado, Charles Miller!

Três Toques
1 – Santos
Hoje também é aniversário do Santos! São 103 anos de histórias e de glórias do alvinegro praiano. Parabéns Pelé, Pepe, Clodoaldo, Juari, Giovani, Robinho, Neymar e toda a nação santista! O time brasileiro mais conhecido do mundo está em festa!

2 – Libertadores
Acho que São Paulo e Corinthians vencem com tranquilidade seus jogos do meio da semana na Libertadores. Inclusive se eu fosse o Tite, colocaria o time reserva pra jogar quinta-feira contra o San Lorenzo e pouparia os titulares para o Derby de domingo. Já Cruzeiro e Internacional devem tropeçar na rodada.

2 – Cláudio Carsughi
Ontem, numa infeliz decisão de seu diretor Tutinha, a Rádio Jovem Pan demitiu o comentarista Claudio Carsughi. Especialista em automobilismo, profundo conhecedor de futebol, Carsughi não merecia passar por tamanho constrangimento, aos 82 anos de vida. Que o Tutinha reveja sua desastrosa decisão e que Carsughi volte ao rádio paulistano. Se não voltar, a Rede Contínua o receberá de braços abertos.


Victor Rodriguez é narrador e escreve todas às terças na Rede Contínua.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply