#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » Primeiro jogo da decisão pode perder seu brilho sem as grandes estrelas

Robinho e Valdívia podem ficar de fora da decisão (Foto: Ricardo Nogueira / Folhapress)
Mesmo que os técnicos Osvaldo de Oliveira e Marcelo Fernandes, não digam abertamente suas escalações e que irão manter o mistério minutos antes da entrada em campo das equipes, são mínimas as possibilidades de participação de Valdívia pelo Verdão e Robinho pelo Peixe, o que acarretará uma perda do brilho desta primeira partida da final.

Certo que principalmente o Verdão, pouco dependeu neste campeonato de seu camisa 10, mas quando inspirado no jogo, ele faz a diferença e tem toque diferenciado. Já o Santos, perde muito com a ausência do Robinho, pois além de ser um líder nato na equipe, também dá um toque de requinte para os meninos da Vila. A ausência destes atletas tira um pouco do brilho e principalmente, da expectativa de uma qualidade técnica mais refinada nos dribles, nas pedaladas e no toque refinado dos passes.

Entendo que o Palmeiras neste jogo de ida leva um ligeiro favoritismo, porque atua em sua nova casa e deverá impor seu jogo para sair na frente da decisão e depois decidir na baixada com a vantagem do empate.

Esta final demorou exatamente 1 ano para acontecer, até porque em 2014 o Ituano se intrometeu na festa de Esmeraldinos e Santistas e além de eliminar o Verdão na semifinal, ganhou o título merecidamente do Santos.

Espero que neste domingo, ambas equipes escrevam uma nova e bela história para o futebol paulista, assim como aconteceu em diversas vezes na década de 60, quando o Santos de Pelé, tinha como grande rival técnico, a esquadra de Palestra Itália.

Ricardo Soares é analista de futebol e escreve todos os domingos para a Rede Contínua

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply