#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » Canetadas: Quem não tem projeto, vai de "pojeto

Começo Abrindo Aspas para Vanderlei Luxemburgo:
"Ninguém me ligou. Não tive nenhum contato com alguém do Corinthians. A conversa que eu tive com a minha família foi de ficar até o final do ano descansando. Mas, é claro, sou um homem do futebol e se chegar (uma proposta) nós vamos conversar. Eu acho que tenho que dirigir o São Paulo. Se não der jeito, tudo bem, mas um profissional da minha qualidade tem que passar pelo São Paulo.
Eu não me aposentei, estou muito longe de me aposentar e acho que eu posso fazer muita coisa boa para o futebol brasileiro ainda, tenho algumas etapas a serem cumpridas dentro do futebol."
As opiniões são divergentes entre a torcida do São Paulo tanto quanto tem sido antagônica a carreira de Vanderlei Luxemburgo nas últimas décadas. Ele surgiu no futebol montando equipes invencíveis em um rival verde e a época milionário, passou pelo alvi-negro adversário e conquistou o Brasil, esteve ainda na vila mais formosa do mundo, chegando a seleção brasileira, apenas afastado por problemas extra campo, e após ainda ao galático Real Madrid. Mas desde então a sua carreira despencou em uma sucessão de "pojetos" sem resultado por clubes brasileiros, culminando em um fracasso também na segunda divisão do futebol chinês. No Tricolor ele foi rejeitado por Juvenal Juvêncio em uma escolha pelo ídolo Muricy Ramalho.
O São Paulo vem se notabilizado nos últimos anos por não ter um planejamento adequado para a montagem do elenco e vem tendo sucessivos erros com treinadores, a se ver pela seca de títulos desde 2012, o aumento constante da dívida do clube e a queda de público em debandada. Podemos concluir então que um clube afeito em apostar nos últimos treinadores, não estaria cometendo o maior risco recente se apostar em quem ao contrário de tantos que lá estão, tem mostrado vontade em honrar as sagradas cores tricolores com o seu "pojeto" de um histórico "profexor"!

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply