#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » A Hora do Ouro: Bruno Schmidt é eleito pela segunda vez o melhor do mundo

Bruno Schmidt foi eleito melhor jogador do Circuito Mundial pela segunda vez consecutiva. Nesta sexta-feira, a Federação Internacional de Vôlei anunciou os destaques da temporada e o Brasil dominou a lista com nove prêmios entre os 22 dados pela entidade.
Além de Bruno Schmidt, que venceu três categorias, também foram premiados as brasileiras Duda (melhor novata), Larissa (melhor levantamento e melhor jogadora defensiva), Guto (melhor novato), Evandro (melhor saque) e Alison (melhor ataque). Os votos são dados por atletas, treinadores, técnicos e diretores. Com o prêmio, Bruno se torna o quarto a vencer o título de melhor jogador do mundo de maneira consecutiva. O brasileiro também ganhou o troféu de melhor defensor pela quarta vez seguida. 
Entre as mulheres, destaque para Larissa. A jogadora foi eleita melhor levantadora pela nona vez, vencendo também como melhor jogadora ofensiva pelo segundo ano seguido. Ao todo, são 18 prêmios individuais do tour internacional. Laura Ludwig, da Alemanha, foi eleita a melhor do mundo.
Duda Lisboa, de 18 anos, foi eleita a novata do ano. Única tricampeã mundial Sub-19 da história, a jovem também venceu em 2016 o Mundial Sub-21 e duas etapas do Circuito Mundial: os Opens de Maceió (AL) e Fortaleza (CE). Em 2017, ela jogará ao lado da vice-campeã olímpica Ágatha.

Premiação feminina: 
Melhor jogadora - Laura Ludwig (Alemanha)
Melhor ataque - Kerri Walsh (EUA)
Melhor bloqueio - Kira Walkenhorst (Alemanha)
Melhor jogadora defensiva - Heather Bansley (Canadá)
Melhor jogadora ofensiva - Larissa França (Brasil)
Melhor levantamento - Larissa França (Brasil)
Melhor saque - April Ross (EUA)
Novata do ano - Duda Lisboa (Brasil) 
Jogadora mais inspiradora - Nadine Zumkehr (Suíça)
Jogadora que mais evoluiu - Joana Heidrich (Suíça)
Esportista do ano - Laura Ludwig (Alemanha)

Premiação masculina:
Melhor jogador - Bruno Schmidt (Brasil)
Melhor ataque - Alison Ceruti (Brasil)
Melhor bloqueio - Paolo Nicolai (Itália)
Melhor jogador defensivo - Bruno Schmidt (Brasil)
Melhor jogador ofensivo - Janis Smedins (Letônia)
Melhor levantamento - Phil Dalhausser (EUA)
Melhor saque - Evandro Gonçalves (Brasil)
Novato do ano - Guto Carvalhaes (Brasil)
Jogador mais inspirador - Reinder Nummerdor (Holanda)
Jogador que mais evoluiu - Piotr Kantor (Polônia)
Esportista do ano - Bruno Schmidt (Brasil)

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply