#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » » Canetadas: Audax/Corinthians é Campeão da Copa do Brasil Feminina

O Audax/Corinthians conquistou nesta quinta-feira o título da Copa do Brasil feminina 2016. Jogando no Estádio José Liberatti, em Osasco (SP), o time campeão derrotou o São José por 3 a 1 e faturou pela primeira vez o título da competição. A decisão da Copa do Brasil foi a primeira do Audax em um torneio nacional. No primeiro jogo das finais de 2016, no Monumental Martins Pereira, em São José dos Campos, as equipes haviam empata do em 2 a 2.
Surgida no início de 2016, a parceria entre Grêmio Osasco Audax e Corinthians cumpria uma exigência do Profut a respeito de investimentos no futebol feminino. Desta forma, o Corinthians aproveitou a estrutura do Audax e retornou à modalidade para a disputa do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil. Apesar da derrota, o São José segue como um dos maiores vencedores da Copa do Brasil feminina – são dois títulos (2012 e 2013), a exemplo do Santos (2008 e 2009). As meninas da Águia são ainda Campeãs Mundiais e Tri Campeãs da Libertadores, além de dois vices no Campeonato Brasileiro (2013 e 2015) e a conquista de vários estaduais.
O Audax abriu o placar aos 25 min do primeiro tempo após cobrança de escanteio, Pardal apareceu na pequena área e cabeceou para fazer 1 a 0. Em jogada ensaiada aos 35 min o chute de Chú Santos no cruzamento de Gabi Nunes foi interceptado em cima da linha pela, zagueira e ex capitã da seleção brasileira, Bagé. Aos 37, Juci cruzou na área e Daiane  cabeçeou para fora.
O São José chegou quando Yasmin arriscou logo aos 2 min do segundo tempo e mandou a bola rente à trave esquerda da goleira Tainá. Aos 22 min o Audax marcou o segundo gol, Chú Santos aproveitou a bola levantada na área pela esquerda e marcou mais um de cabeça. Aos 27 a boa jogadora da Águia Raquelzinha levou a melhor em falta cobrada para a área e bateu para o gol para diminuir para 2 x 1.
Aos 37 min a partida foi decidida no terceiro gol do Audax. Grazi cruzou rasteiro pela direita e encontrou Gabi Nunes, que, sozinha na área, precisou apenas escorar para definir os números finais e o título da equipe de Osasco.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply