#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Ricardo Oliveira: "Parece que foi ontem que estive com eles em Chapecó. Corremos os mesmos riscos."

O trágico acidente com o vôo da Chapecoense, que resultou na morte de 71 pessoas nas proximidades de Medellín, na Colômbia, mudou o dia a dia do Santos. Acostumados com atividades descontraídas, os santistas abandonaram os sorrisos desde a última quarta-feira (30 de novembro), quando retornaram aos treinamentos após a tragédia com a equipe de Santa Catarina.
Por meio do site oficial do clube, o capitão Ricardo Oliveira falou em nome do elenco do Peixe e lamentou o ocorrido com a Chape. Além disso, o atacante também relatou que já passou por sustos em voos. Ele ainda admitiu que a cabeça dos jogadores “entra em conflito” por correr os mesmos riscos, mesmo sabendo que viajar de avião faz parte do trabalho.
“A gente vive isso toda a semana, todos os meses, todos os anos. Sou profissional há 16 anos, indo para cima e para baixo. Já passei por alguns sustos e você tem que ir porque é o seu trabalho. Lamento muito pela carreira desses atletas ter sido interrompida, segundo algumas informações, por irresponsabilidade. Não conheço muito disso (aviação). Mas vamos lendo e algumas pessoas competentes para fazer algum tipo de avaliação falam dos riscos. Colocar em risco pessoas que têm família, têm sonhos e projetos de vida é muito complicado. Lamento porque perdi amigos e companheiros de profissão. Parece que foi ontem que estive com eles lá em Chapecó, quando eles foram no vestiário depois do jogo e a gente se abraçou, desejamos sorte na Sul-Americana. A nossa cabeça fica em um grande conflito, porque entendemos que corremos os mesmos riscos. Mas é muito triste ver os familiares passando por isso, é muito triste”, disse o camisa 9.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply