#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Eduardo Baptista sofre a primeira derrota no comando do Palmeiras

Mesmo com a entradas pela primeira vez de Guerra e Keno, o Palmeiras foi derrotado pelo Ituano por 1 a 0 em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O volante Guly marcou o gol da equipe da casa no segundo tempo do confronto, após falha da defesa verde na bola aérea. Eduardo Baptista perdeu pela primeira vez no comando do clube e com a derrota de hoje, o Palmeiras saiu da zona de classificação do Grupo C. A equipe soma três pontos e foi superada por Santo André (cinco pontos) e Novorizontino, que tem os mesmos três pontos, mas soma mais gols no torneio. Na próxima rodada, o Palmeiras recebe o São Bernardo no Allianz Parque. O jogo está marcado para a próxima quinta-feira, às 19h30. Já o Ituano voltará a atuar em casa. O adversário será o São Bento - o duelo será na quarta-feira às 17h. 
Após a partida de número 200 de Fernando Pras no clube, alguns torcedores do Palmeiras pediram a volta de Cuca ao clube alviverde e criticavam o trabalho de Eduardo Baptista, mesmo no começo da temporada. Muitos não concordavam com a escalação de Róger Guedes e a posição de Dudu, que algumas vezes passou a atuar pela direita.

FICHA TÉCNICA

ITUANO  1 x 0 PALMEIRAS

Local: Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 12 de fevereiro de 2017 (domingo)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Público: 11.962 
Renda: R$ 545.970,00
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)
Cartões amarelos: Ronaldo e Naylhor (Ituano); Felipe Melo (Palmeiras)

Gol: Guly, aos seis minutos do segundo tempo.

ITUANO: Fábio; Arnaldo, Naylhor, Lima e Peri; Wellington Simião (Walfrido), Guly e Guilherme (Romarinho); Claudinho, Ronaldo (Nena) e Morato. Técnico: Tarcísio Pugliese.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Fabiano (Thiago Santos), Vitor Hugo, Edu Dracena (Alecsandro) e Zé Roberto; Felipe Melo e Jean; Róger Guedes (Keno), Guerra e Dudu; Willian. Técnico: Eduardo Baptista

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply