#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Em jogo mil de Buffon Itália vence, mas Espanha golea Israel e segue líder

As Eliminatórias Européias para a Copa do Mundo de 2018 estão a flor da pele no Grupo 10 com a disputa entre Espanha e Itália por uma única vaga direta. A outra equipe vai apenas a repescagem. Ambas jogaram nesta tarde e venceram.
Itália e Albânia fizeram um duelo pouco inspirado e ainda com uma marca histórica. Em Palermo, a Azzurra venceu os albaneses por 2 a 0 pela quinta rodada, abrindo o placar em pênalti sofrido por Belotti, aos 10 minutos. De Rossi cobrou e fez: 1 a 0. Na segunda etapa, Verratti começou a aparecer. Com bons passes e boas investidas de Zappacosta e Candreva pela direita, os italianos foram mais criativos. Mas só ampliaram na bola parada. Após cobrança de falta, Zappacosta cruzou, e Immobile testou para o gol: 2 a 0. Foi o jogo 1000 de Buffon como profissional, sendo 168 partidas pela seleção italiana, 220 pelo Parma e 612 com o Juventus, seu atual clube. Ele agora entra em um grupo seleto que tem apenas 17 jogadores na história que atingiram a marca. Entre os goleiros, ele está atrás apenas dos ingleses Peter Shilton e Ray Clemence, e Rogério Ceni. Os torcedores visitantes, posicionados atrás do gol da lenda azzurra, exageraram nos sinalizadores no começo da segunda etapa. A fumaça chegou a entrar em campo e provocou quase 10 minutos de paralisação, que não impediram a vitória da Itália. A Itália chegou aos 13 pontos, mas a Espanha, que venceu Israel, tem a mesma pontuação e oito gols a mais de saldo. Os dois se enfrentam daqui a duas rodadas, em 02 de setembro no Santiago Bernabéu, na Espanha.
A Espanha fez 4 a 1 sobre Israel, com gols de David Silva, Vitolo, Diego Costa e Isco. Refaelov descontou. Destaque também para Thiago Alcântara, que deu duas assistências e acertou uma bola no travessão. A primeira chance do jogo foi justamente com uma bomba do meia do Bayern de Munique, que balançou a trave de Marciano. Mas não demorou muito para a Espanha abrir o placar. Jordi Alba achou muito bem David Silva na área. O meia dominou e bateu entre as pernas do goleiro. Foi o 29º gol do apoiador do Manchester City pela seleção, igualando-se a Hierro como o maior goleador da Fúria de um jogador que não atua no ataque. A seleção espanhola seguiu em cima, pressionando Israel, que vez por outra aparecia dando trabalho à defesa. Mas no fim do primeiro tempo, a Fúria ampliou com Vitolo, que recebeu de Thiago Alcântara e bateu fraco, mas venceu o goleiro, que falhou.  O time de Julen Lopetegui foi matador na volta do intervalo. Após perder um gol sozinho, Diego Costa aproveitou cobrança de escanteio de Thiago para fazer o terceiro. Logo depois, David Silva acertou o poste de Marciano. Os espanhóis passaram a cadenciar o duelo, mas acabou levando um gol. Em cobrança de falta, Gershon cabeceou na trave do goleiro De Gea, mas Refaelov acertou uma bomba no rebote para fazer o primeiro dos visitantes. Mas o suspiro de reação de Israel parou por aí. Com o controle total da partida, a Espanha transformou a vitória em goleada. Isco roubou a bola e deixou para Diego Costa. O centroavante avançou com a bola, tocou para Aspas que acionou o meia do Real Madrid, que ajeitou e tocou no canto do goleiro. 
Ainda pelo Grupo G Liechstenstein foi derrotado pela Macedônia por 3 a 0.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply