#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Palmeiras vence RB Brasil e parte para a Libertadores

O dia conturbado no estádio Moisés Lucarelli com a saída do técnico da Ponte-Preta Felipe Moreira, se encerrou com a chegada do visitante Eduardo Baptista. O comandante agora do Palmeiras esteve durante toda a última temporada do lado da Macaca e se mostrou um bom conhecedor do caminho do gol, mesmo embaixo de muitas poças de água. Nesta sexta-feira após muita chuva o Red Bull Brasil foi derrotado por 3 a 1 graças aos gols marcados por Willian, Roger Guedes e Borja. Com o resultado positivo, o Palmeiras se isola ainda mais na liderança do Grupo C do Campeonato Paulista. Agora, o time alviverde soma 15 pontos em sete partidas, sendo cinco vitórias e duas derrotas. Já o Red Bull se mantém na terceira posição do Grupo B, com apenas cinco pontos. O Palmeiras estreia na Libertadores na próxima quarta-feira (8), contra o Atlético Tucumán, às 21h45 (de Brasília), no Monumental José Fierro, na Argentina. O rival participou das fases prévias do torneio continental e foi o último a integrar o Grupo 5, que ainda conta com Jorge Wilstermann e Peñarol.
Aos oito minutos da etapa inicial, Egídio cobrou uma falta com efeito para área, sofrida por Willian, Saulo rebateu para a entrada da grande área e a bola caiu nos pés de Dudu. O capitão palmeirense arriscou um chute, que saiu torto, mas nos pés de Willian. O camisa 28, na cara do goleiro, só precisou empurrar para fazer o primeiro do jogo. Eduardo Baptista fez duas alterações no intervalo, deixando a equipe mais parecida com aquela que deve estrear na Libertadores. O treinador optou por Borja e Michel Bastos nos lugares de Willian e Guerra, respetivamente. Aos 20min, então, o técnico alviverde apostou em Roger Guedes no lugar de Keno e ele não decepcionou, sendo que logo após lançamento de Zé Roberto, Guedes bateu com força, no canto, para ampliar. Aos 42min da etapa final, quando a partida parecia decidida, o Red Bull ainda presenteou a torcida palmeirense com mais um susto. Após bate-rebate dentro da área, Evandro aproveitou um buraco no sistema defensivo do Palmeiras e marcou o gol de honra dos mandantes. Aos 48min, já no apagar das luzes, Borja apareceu. O colombiano aproveitou um desvio do goleiro Saulo após cobrança de falta e fechou o placar no Moisés Lucarelli.
Por fim, vale contar um lance aos 44min do primeiro tempo. Felipe Melo arriscou um carrinho perigoso na intermediária palmeirense, mas não acertou Alison, que forçou o contato e cavou um cartão amarelo ao volante. Com a advertência, a terceira dele no Paulistão, ele fica fora do clássico contra o São Paulo na próxima rodada. Felipe Melo saiu muito irritado com a marcação, gritando "ele (árbitro) me tirou do clássico". E ainda lembramos dele. Alberto Valentim, ex-auxiliar fixo do Palmeiras, que, depois de três anos na Barra Funda, decidiu partir para sua carreira profissional como treinador de futebol reencontrou o Palmeiras, mas sem ter o mesmo sucesso de antes no clube de Palestra.

FICHA TÉCNICA
RED BULL BRASIL 1 X 3 PALMEIRAS

Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Competição: Campeonato Paulista (7ª rodada)
Data: 3 de março de 2017, sexta-feira
Hora: 21h05 (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan
Cartões amarelos: Thallyson, Elvis, Bruno Alves e Elton (Red Bull); Felipe Melo (Palmeiras)
Gol: Willian, aos 8min do 1º tempo, Roger Guedes, aos 20min do 2º tempo, e Borja, aos 48min do 2º tempo; Evandro, aos 42min do 2º tempo.

RED BULL BRASIL: Saulo; Lucas Taylor, Willian Magrão, Luan Peres e Thallyson; Alison (Evandro), Fillipe Soutto e Elvis (Dener); Nixon (Bruno Alves), Elton e Rodrigo. Técnico: Alberto Valentim.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Felipe Melo, Keno (Roger Guedes), Zé Roberto, Guerra (Michel Bastos) e Dudu; Willian (Borja). Técnico: Eduardo Baptista.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply