#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Caio em pé

O São Paulo realizou, na noite desta quarta-feira, no Mineirão, uma de suas melhores atuações na temporada e venceu o Cruzeiro por 2 a 1. O resultado, porém, não foi o suficiente para seguir adiante na competição, já que havia perdido o jogo de ida por 2 a 0, no Morumbi. O técnico Rogério Ceni promoveu uma série de mudanças na equipe, com destaque para a estreia do meia-atacante Morato, que começou como titular e deu assistência para Lucas Pratto inaugurar o marcador. A derrota de hoje é o primeiro revés do Cruzeiro na temporada de 2017. Agora, espera o adversário nas oitavas de final em sorteio a ser realizado nesta quinta-feira, na sede da CBF. Nesta fase entrarão os times que disputam a Copa Libertadores da América, além de Atlético-GO (campeão da Série B), Santa Cruz (campeão da Copa do Nordeste) e Paysandu (campeão da Copa Verde). Agora, ambas as equipes voltam as sua atenções para as semifinais estaduais. Em situação idêntica, mas pelo Campeonato Paulista, o São Paulo tentará reverter desvantagem diante do Corinthians, domingo, a partir das 16 horas (de Brasília), em Itaquera. No mesmo dia, mas às 18 horas, o Cruzeiro encara o América-MG, no Mineirão, após empate por 1 a 1 no primeiro encontro.
Aos 14 minutos, após roubada de bola na intermediária, Morato, principal novidade para o duelo, recebeu na esquerda e cruzou na medida para Lucas Pratto, no meio da área, testar sem chances para o goleiro Rafael, diminuindo o prejuízo do clube paulista. Com mais de 60% de posse de bola em determinados momentos da partida, aos 20 minutos, Bruno saiu machucado e Jucilei entrou em seu lugar e Wesley passou a fazer a função de lateral direito. Aos 30 minutos, Pratto aproveitou sobra na área, após cobrança lateral, e soltou a bomba. A bola quicou antes de Rafael espalmar na trave. Na parte final do primeiro tempo, o Cruzeiro melhorou e, enfim, assustou a meta de Renan Ribeiro. Aos 37, após boa trama pela esquerda, Arrascaeta saiu livre, mas finalizou por cima do gol.
No início da segunda etapa, Pratto desviou cobrança de escanteio na primeira trave e encontrou Jucilei livre na pequena área. Com o pé, o volante conseguiu chutar por cima, desperdiçando ótima oportunidade. E veio o empate. Rodrigo Caio errou ao tentar cortar lançamento de peito e foi obrigado a fazer falta em Arrascaeta em frente à área. Na cobrança, Thiago Neves contou com desvio na barreira para empatar para a Raposa. Rogério Ceni promoveu as entradas de Thomaz e Gilberto nos lugares de Cueva e Cícero, que estiveram apagados na partida. Aos 33 minutos, Wesley levantou na esquerda da área, Rodrigo Caio ajeitou para o meio, Maicon ajeitou com o peito e Gilberto, em posição irregular, bateu forte para recolocar os paulistas na frente. Nos minutos finais, o São Paulo exerceu enorme pressão sobre o Cruzeiro, mas não conseguiu chegar ao gol da classificação. 

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 1 X 2 SÃO PAULO

Local: Estádio Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Data: 19 de abril de 2017, quarta-feira

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO-Fifa)

Assistentes: Fabrício Vilarinho e Bruno Raphael Pires (ambos de GO-Fifa)

Público: 36.193 pagantes

Renda: R$ 1.105.337,00

Cartão Amarelo: Junior Tavares e Rodrigo Caio (São Paulo)

Gols:

SÃO PAULO: Lucas Pratto, aos 14 minutos do 1º tempo; Gilberto, aos 33 minutos do 2º tempo

CRUZEIRO: Thiago Neves, aos 14 minutos do 2º tempo

CRUZEIRO: Rafael; Mayke (Henrique), Léo, Manoel (Luis Caicedo) e Diogo Barbosa; Hudson, Ariel Cabral, Arrascaeta (Alisson), Rafinha e Thiago Neves; Rafael Sóbis

Técnico: Mano Menezes

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Bruno (Jucilei), Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares; João Schmidt, Cícero (Gilberto), Wesley e Cueva (Thomaz); Morato e Lucas Pratto

Técnico: Rogério Ceni

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply