#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Ponte-Preta vence primeiro jogo das Quartas contra o Santos

A terceira partida de Gilson Kleina a frente da macaca selou a continuidade dos 100% de aproveitamento de seu retorno a Campinas. A Ponte Preta saiu na frente na disputa pela semifinal do Campeonato Paulista. Pressionando nos minutos iniciais e contando com a lentidão do Santos, a Macaca venceu por 1 a 0, com gol do artilheiro William Pottker, na tarde deste sábado, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, e assegurou a vantagem para o duelo de volta contra os santistas. Com a vitória, a Macaca precisa somente de um empate no jogo de volta para alcançar a classificação às semifinais do Paulistão. O Santos, por sua vez, se vê obrigado a vencer por dois gols de diferença para conquistar a vaga direta. Caso o alvinegro vença por apenas um gol, o confronto será decidido na disputa de pênaltis. As duas equipes voltam a se enfrentar apenas no próximo dia 10, uma segunda-feira às 20h (de Brasília), no Pacaembu.
No primeiro tempo a Ponte rapidamente dominou as ações e teve a primeira grande oportunidade com o artilheiro William Pottker. Aos 6 minutos, o atacante aproveitou indecisão de David Braz e Lucas Veríssimo para avançar dentro da área e encobrir o goleiro Vanderlei. A bola até tocou na rede, mas pelo lado de fora. Aos 20 minutos, Clayson lançou para Nino Paraíba dentro da área. Aproveitando-se da marcação atrasada da defesa santista, o lateral tocou para Pottker apenas empurrar para o fundo das redes e deixar a Macaca na frente. Aos 30 minutos a primeira chance do Santos foi com Ricardo Oliveira. O centroavante recebeu de Bruno Henrique dentro da área. Livre, ele soltou uma bomba, que parou nas mãos de Aranha. No lance seguinte, Vitor Bueno tentou cruzamento pela esquerda e a bola desviou no defensor da Ponte. Porém, lá estava Aranha, que no reflexo, fez outra bela defesa e impediu o empate santista no primeiro tempo.
A segunda etapa começou  com a entrada de Copete no lugar de Vitor Bueno. Aos cinco minutos, o colombiano avançou pela esquerda, driblou Fernando Bob e cruzou para Ricardo Oliveira. O centroavante bateu de primeira, mas a bola foi alta demais e passou por cima do gol de Aranha. Aos 17 minutos, David Braz falhou e deixou Pottker completamente livre para cabecear. O goleiro Vanderlei pegou, mas deu rebote e o atacante encheu o pé. A bola bateu em cheio no rosto do camisa 1 e foi afastada na sequência. A Ponte-Preta foi prejudicada pela arbitragem que não teve o mesmo critério para a marcação de faltas e cartões, não punindo um violento Thiago Maia e sei sem motivos Fernando Bob fora da próxima partida no Pacaembu. O ritmo diminuiu e apenas em um lance final a macaca chegou com um gol anulado de Wendel ao receber em impedimento uma cobrança de falta de Renato Cajá, em reestreia na segunda etapa. No Majestoso a Ponte comandou a festa.

FICHA TÉCNICA 
PONTE PRETA 1 X 0 SANTOS

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP) 
Data: 01 de abril de 2017, sábado 
Horário: 15h (de Brasília) 
Árbitro: Salim Fende Chavez 
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Bruno Salgado Rizo 
Público: 11.545 
Renda: R$ 227.280,00 
Cartões amarelos: PONTE PRETA: Jadson e Fernando Bob.

GOLS: 
PONTE PRETA: William Pottker, aos 20 do 1ºT;

PONTE PRETA: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Yago e Reynaldo; Fernando Bob, Elton e Jadson (Renato Cajá); Clayson, Lucca (Wendel) e Pottker (Lins). 
Técnico: Gilson Kleina

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Renato (Rafael Longuine), Thiago Maia e Lucas Lima; Bruno Henrique, Vitor Bueno (Copete) e Ricardo Oliveira (Kayke). 
Técnico: Dorival Júnior

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply