#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » "Injusticia": Chapecoense é derrotada com gol nos últimos segundos

A Chapecoense levou o gol no fim e saiu com derrota por 1 a 0 para o Defensa y Justicia-ARG, nesta quarta-feira, pela partida de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. Jogando fora de casa, os brasileiros levaram pressão, e cederam aos 49 minutos da etapa final, quando Stefanelli marcou. A partida de volta entre Chapecoense e Defensa y Justicia, na Arena Condá, acontece no dia 25 de julho. Com o resultado da ida, os catarinenses precisam vencer por dois gols, ou 1 a 0 para levar aos pênaltis. O vencedor deste confronto encara quem passar entre Flamengo e Palestino-CHI.
O início do primeiro tempo foi equilibrado e a primeira chance surgiu aos 23, quando Reinaldo falhou e Rios perdeu grande oportunidade, na pequena área. Aos 30, a Chape tentou em cobrança de falta de Arthur, mas a bola subiu demais. Dez minutos depois, nova chance dos argentinos. Rios arriscou de cabeça, mas Jandrei evitou o tento com defesa segura.
O primeiro tempo não teve tantos momentos de emoção e a partida chegou ao intervalo sem gols no estádio Norberto Tomaghello, na capital argentina.
A etapa final começou favorável ao Defensa. Em um intervalo de quatro minutos, aos 3 e aos 7, Andrei Girotto fez duas faltas e levou dois cartões, sendo expulso. Sebastián Beccacece acabou trocando o zagueiro Bareiro pelo atacante Stefanelli. Porém, mesmo pressionando, os mandantes pecavam muito nas finalizações, sem acertar o gol de Jandrei.
Fechada, a Chape conseguia evitar pressão maior do Defensa, mas também não conseguia as saídas em contra-ataque. O primeiro arremate que acertou a meta veio aos 29, quando chute de Bouzat saiu fraco, na mão do goleiro dos catarinenses. Aos 31, o time de Vagner Mancini também arriscou, com Lucas Mineiro, mas Arias fez fácil defesa. Nos minutos finais, os argentinos seguiram tentando o gol da vitória, mas sem efetividade. Quando o 0 a 0 parecia definido, Stefanelli apareceu sozinho na área, aos 49, e cabeceou para as redes.

FICHA TÉCNICA

DEFENSA Y JUSTICIA (ARG) 1 x 0 CHAPECOENSE

Local: Estádio Norberto Tomaghello, em Buenos Aires (ARG)
Data: 28 de junho de 2017, quarta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (PER)
Assistentes: Raúl López Cruz (PER) e Víctor Raez (PER)
Cartões amarelos: Alvarado, Miranda (Defensa y Justicia), Douglas Grolli, Andrei Girotto, Reinaldo (Chapecoense)
Cartão vermelho: Andrei Girotto (Chapecoense)
Gols: DEFENSA Y JUSTICIA: Stefanelli, aos 49 minutos do segundo tempo

Defensa y Justicia: Arias; Alvarado, Bareiro (Stefanelli) e Cardona; Jonás Gutiérrez, Delgado, Rivero, Bouzat, Castellani (Pochettino) e Miranda; Ríos (Kaprof)
Técnico: Sebastián Beccacece

Chapecoense: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabricio Bruno e Reinaldo; Andrei Girotto, Lucas Mineiro (Nathan) e Lucas Marques; Rossi (Diego Renan), Arthur e Wellington Paulista (Lourency)

Foto: Juan Mabromata/AFP

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply