#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » Almanaque do JEC: Oduvaldo Cozzi

Marcante locutor esportivo das décadas de 40, 50 e 60, Oduvaldo Cozzi morreu no dia 12 de novembro de 1978, aos 63 anos, em Guaíba-RS. O histórico narrador estava desde 1974 lutando contra as sequelas de uma trombose cerebral, sofrida em Munique, Alemanha, durante a Copa do Mundo.
Mesmo sendo nascido em São Paulo, o narrador iniciou sua carreira na Rádio Nacional, do Rio de Janeiro, quando tinha apenas 21 anos.  De voz lenta e macia, e com um repertório de palavras de dar inveja a qualquer lingüista, Oduvaldo ficou conhecido como um dos locutores mais líricos da história do rádio brasileiro.
De tão bom comunicador, o locutor era frequentemente convidado para participar de atrações de variados temas. Tanto que, em um programa musical, foi ele quem apelidou Orlando Silva de "O Cantor das Multidões.
Além da Nacional, Oduvaldo Cozzi marcou época empunhando também os microfones das rádios Mayrink Veiga e Guanabara. Visionário, foi ele quem teve a idéia de lançar o locutor de campo, para que fossem realizadas entrevistas com os jogadores.
Cozzi trabalhou nas Copas do Mundo realizadas de 1950 a 1974, quando, no meio do Mundial, teve uma trombose cerebral, que fez com que o locutor desaprendesse a falar e o levasse à morte quatro anos mais tarde.

Fonte do texto e da imagem: Site Terceiro Tempo

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply