#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » A única lei possível no Brasil: Com gol de Carleto, ex São Paulo, Coritiba vence

O público recorde para esse campeonato brasileiro de 53.635 mil torcedores não bastou para o São Paulo vencer o time desfalcado do Coritiba na partida que marcou o reencontro de Hernanes com o Morumbi. Na noite desta quinta-feira, o Tricolor desperdiçou chances de gol e acabou derrotado por 2 a 1, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com gols de Thiago Carleto e Filigrana, o Coxa chegou aos 22 pontos e ganhou cinco posições, subindo para o 12º lugar. De quebra, o clube paranaense empurrou o São Paulo de volta para a zona de rebaixamento, da qual havia saído após seis rodadas e parou nos 19 pontos, caindo para a 17ª colocação. Na última rodada do primeiro turno, o São Paulo tentará reabilitar-se na competição contra o Bahia, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), em Salvador. No mesmo dia e horário, o Coritiba, que não vencia há quatro jogos, receberá a Chapecoense, no Couto Pereira.
Aos três minutos, Marcinho recebeu em profundidade pela direita e viu o marcador que o acompanhava cair sozinho. O atacante invadiu a área e tinha Cueva e Pratto livres como opções, mas preferiu dar uma cavadinha, para encobrir o goleiro Wilson. Só que ela saiu fraca demais, dando tempo para o lateral Léo tirar a bola quase em cima da linha. Arboleda furou o cruzamento que veio da esquerda e Alecsandro aproveitou para testar. A cabeçada, porém, saiu fraca, a tempo de Renan Ribeiro fazer a defesa. Aos 20, o Coritiba cobrou lateral na área são-paulina, a zaga se atrapalhou e perdeu para Jonas, que foi travado na finalização. Na sobra, Alan Santos, sem marcação, isolou por cima. Aos 26, Marcinho recebeu na intermediária e soltou a bomba, exigindo grande defesa de Wilson. No rebote, Cueva dominou livre na pequena área e mandou para fora, desperdiçando chance incrível. Os tricolores voltariam a lamentar aos 44 minutos, quando Rodrigo Caio subiu sozinho, mas testou longe da meta adversária.
Na segunda etapa, no primeiro lance perigoso, Rildo recebeu na esquerda e partiu partiu para cima de Bruno, invadiu a área e recebeu um tranco do lateral são-paulino. Na cobrança do pênalti, aos 12 minutos, Thiago Carleto, ex-Tricolor, bateu forte no canto direito, sem chances para Renan. Em um intervalo de dois minutos, o Tricolor teve duas grandes chances para empatar. Aos 14, Hernanes deu ótimo lançamento para Pratto, que entrou na área livre de marcação e chutou em cima de Wilson. No rebote, Petros tocou para Cueva finalizar, mas a zaga desviou em escanteio. Na cobrança, Rodrigo Caio subiu no terceiro andar e testou no travessão. Aos 21, Cueva bateu escanteio no primeiro pau, Arboleda desviou para Jucilei, livre na pequena área, mandar por cima do gol. O Coritiba ampliou a vantagem no minuto seguinte.  Alecsandro abriu o jogo para Rildo, que puxou para o meio e encontrou Filigrana livre na direita da área. O jogador, que havia acabado de entrar, bateu colocado na saída de Renan, dando números finais à partida. Após uma série de “milagres” do arqueiro do Coxa, quando parecia que a bola não entraria, o Tricolor conseguiu diminuir aos 43 minutos, quando Denilson aproveitou cruzamento de Gomez para empurrar para as redes. 

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1 X 2 CORITIBA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 03 de agosto de 2017, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Cortez (PE)
Assistentes: Clóvis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite (ambos de PE)
Público: 53.635 torcedores
Renda: R$ 1.464.246,00
Cartão Amarelo: Bruno, Arboleda e Rodrigo Caio (São Paulo); Jonas, Alan Santos, Matheus Galdezani, Yan Sasse e Wilson (Coritiba)
Cartão Vermelho: –
Gols:
CORITIBA: Thiago Carleto, aos 12, e Filigrana, aos 22 minutos do 2º tempo
SÃO PAULO: Denilson, aos 43 minutos do 2º tempo

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Bruno (Marcos Guilherme), Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei (Denilson), Petros e Hernanes (Jonatan Gomez); Marcinho, Lucas Pratto e Christian Cueva
Técnico: Dorival Júnior

CORITIBA: Wilson; Léo, Márcio, Thalisson Kelven (Romercio) e Carleto; Alan Santos, Jonas (João Paulo), Matheus Galdezani e Yan Sasse (Filigrana); Rildo e Alecsandro
Técnico: Marcelo Oliveira

Foto: Fernando Dantas

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply