#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » Hernanes: "Nossa sorte vai mudar no segundo turno"

Hernanes admite que os três pontos conquistados no último domingo indicam de fato um início de arrancada do Tricolor no Campeonato Brasileiro. O profeta falou após a vitória sobre o Cruzeiro, nesse domingo, por 3 a 2.

Evolução da equipe

“Aquele primeiro jogo contra o Botafogo, eu ainda não estava ambientado e achava que o grupo já estava preparado para ter uma evolução. Vendo aquela partida, tirei conclusões um pouco erradas sobre o campeonato, sobre o nosso momento. Agora não, já são três ou quatro semanas que estou aqui e já dá para ter uma conclusão melhor"

Virada contra Cruzeiro

“Eu falei aos companheiros que domingo nossa sorte ia mudar. Foram detalhes que erramos contra o Coritiba e Bahia. Cometemos ainda alguns erros que não haviam sido cometidos, mas acredito que desta vez vai. Agora vai”

Segundo turno

“A gente tem procurando conhecer cada jogador, conhecer o ambiente que estamos para poder detectar estas falhas, para que a gente não volte mais a errar. A gente já errou uma vez, em teoria, tínhamos que ter aprendido com o erro que a gente cometeu. Acredito que nós aprendemos e não vamos cometer mais, nossa sorte vai mudar no segundo turno”

Estratégia invertida

“Os adversários vinham aqui no Morumbi, ou até fora, se fechavam e a gente tentava propor o jogo no contra-ataque, faziam um gol, aí a gente tinha que arriscar mais, deixar o jogo mais aberto, mais exposto, o adversário ia lá e fazia o segundo gol. Então a gente falou assim: “Vamos ser espertos, vamos usar a estratégia que eles estão usando”

O Morumbi lotado

“Seria frustrante demais sair de novo derrotado. E também para os pais (torcedores) que trouxeram os filhos, os filhos talvez não fossem mais são-paulinos (se derrotados), mas acredito que com essa vitória garantimos pelo menos uns 2000 são-paulinos futuros. É sensacional, a torcida é maravilhosa. Parabéns ao torcedor, obrigado por essa força na arquibancada. Desde o momento que chegamos, no ônibus, a energia, a adrenalina que nos deu foi essencial para conseguirmos a vitória”

Treinamento de faltas

“Meu pai estava no CT e perguntou: ‘Treinou falta?’. Aí eu disse: ‘Não, treinei só duas hoje, porque a semana foi pesada’. Eu treinei só para memorizar. Concentrei ali (no momento da falta) e tentei não colocar muita força. Na hora do pênalti, tem um verso bíblico que eu sempre carrego comigo que é: na tranquilidade e na confiança é onde está minha força. Então, ali, os jogadores tentavam me perturbar, o goleiro. E eu pensava: ‘Estou tranquilo e confiante’. Aí consegui ter a tranquilidade, vi que ele estava caindo de um lado para mandar a bola para o outro”

Foto: Sergio Barzaghi

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply