#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » Em seu primeiro jogo com árbitro de vídeo na história, Brasil vence Japão

A Seleção Brasileira entrou em campo durante a manhã desta sexta-feira. Na cidade francesa de Lille, o time canarinho ganhou do Japão por 3 a 1. Neymar (de pênalti), Marcelo e Gabriel Jesus marcaram para a Seleção no primeiro tempo. Makino, durante a etapa complementar, descontou para o Japão. Às 18 horas (de Brasília) desta terça-feira, no Estádio de Wembley, o Brasil volta a campo para enfrentar a Inglaterra. Tite deu chance a Danilo, Giuliano e Jemerson como titulares e durante o segundo tempo, Diego Souza, Alex Sandro, Douglas Costa e Taison também entraram em campo, além do goleiro Cássio.
A Seleção Brasileira saiu na frente logo aos 9 minutos do primeiro tempo. Com auxílio do vídeo, o árbitro francês Benoit Bastien marcou pênalti de Yoshida sobre Fernandinho durante jogada aérea. Na cobrança, Neymar marcou o oitavo gol contra o Japão, sua maior vítima. O camisa 10 teve nova chance de marcar de pênalti, cometido por Yamaguchi sobre Gabriel Jesus, mas Kawashima espalmou para escanteio. Após o tiro de canto, aos 17 minutos do primeiro tempo, a bola sobrou na entrada da área para finalização certeira do lateral esquerdo Marcelo, de pé direito. 2 x 0. O Japão chegou a acertar o travessão de Alisson em cobrança de falta, mas tomou o terceiro em um contra-ataque, aos 35 minutos de tapa inicial. O lateral Danilo recebeu em velocidade de Willian pela direita e cruzou rasteiro, na medida para Gabriel Jesus completar para o gol.
A seleção asiática conseguiu marcar seu único gol na partida aos 18 minutos da etapa complementar. Após cobrança de escanteio pela esquerda, Makino subiu nas costas de Jemerson e cabeceou para o gol – o brasileiro foi puxado pela camisa, mas o lance acabo validado, sem consulta ao vídeo. Tite promoveu as seis alterações a que tinha direito, a começar pela entrada do goleiro Cássio no lugar de Alisson durante o intervalo. Com a série de mudanças promovidas no segundo tempo, a Seleção Brasileira, sem entrosamento, sofreu uma queda de ritmo. Após cobrança de falta pela esquerda, Sugimoto chegou a marcar de cabeça, mas a arbitragem marcou impedimento. 

FICHA TÉCNICA
BRASIL 3 x 1 JAPÃO

Local: Estádio Pierre-Mauroy, em Lille, na França
Data: 10 de novembro de 2017, sexta-feira
Horário: 10h00 (de Brasília)
Árbitro: Benoit Bastien (FRA)
Assistentes: Hicham Zakrani (FRA) e Frédéric Haquette (FRA)
Árbitros de vídeo: Nicolas Rainville (FRA) e Amaury Delerue (FRA)
Público: 16.922 pessoas
Cartões amarelos: Neymar (BRA); Yoshida, Haraguchi, Ideguchi (JAP)
Gols:
BRASIL: Neymar, aos 9 minutos do 1º Tempo, Marcelo, aos 17 minutos do 1º Tempo, Gabriel Jesus, aos 35 minutos do 1º Tempo
JAPÃO: Makino, aos 18 minutos do 2º Tempo

BRASIL: Alisson (Cássio); Danilo, Thiago Silva, Jemerson e Marcelo (Alex Sandro); Casemiro, Fernandinho, Giuliano (Renato Augusto), Willian (Taison) e Neymar (Douglas Costa); Gabriel Jesus (Diego Souza)
Técnico: Tite

JAPÃO: Kawashima, Hiroki Sakai, Yoshida, Makino e Nagatomo; Hasebe (Morioka), Yamaguchi e Ideguchi (Endo); Osako (Sugimoto), Haraguchi (Inui) e Kubo (Asano)
Técnico: Vahid Halilhodzic

Foto: DENIS CHARLET/AFP

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply