#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » Ferroviária, vence nos pênaltis e é campeã da Copa Paulista de 2017

A Ferroviária, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, venceu a Inter de Limeira nos pênaltis neste sábado e se sagrou bicampeã da Copa Paulista. Após empate por 2 a 2 no tempo normal, com gols de Hygor e Wesley, a Ferroviária venceu por 7 a 6 nos pênaltis para ficar com o título. Com o título conquistado, a Ferroviária disputará a Série D do Campeonato Brasileiro no ano que vem, deixando a vaga na Copa do Brasil para a Inter de Limeira.
A primeira chegada de perigo foi da Ferroviária, aos 25 minutos, quando Damasceno girou e bateu para boa defesa de Rafael Pin. O atacante Marco Damasceno voltou a aparecer bem no lance em que a Ferroviária abriu 1 a 0, aos 15 minutos. Ele recebeu lançamento, tocou tirando do goleiro e Hygor chegou apenas para complementar para as redes.
A Inter respondeu aos 21 minutos, em cabeceio de Moisés, mas Tadeu fez grande defesa. Com a Ferroviária bem postada na zaga, a Inter seguiu tentando chegar e assustou. Aos 35 minutos, Tom teve uma ótima chance em cobrança de falta, mas mandou por cima do gol. Dois minutos depois, o Leão carimbou a trave. Lucas Douglas recebeu na área, dominou e mandou uma bicicleta, carimbando a trave. Aos 43 minutos, Vinicius Pedalada soltou a bomba de longe, mas Tadeu espalmou. Entretanto, a última chance de perigo do 1º tempo foi da Ferroviária, mas Hygor bateu fraco e perdeu boa chance.
No segundo tempo, a Ferroviária esteve muito perto de ampliar o placar aos 8 minutos. Artur deixou Hygor e Léo Castro na cara do gol, mas os dois se atrapalharam e Léo Castro bateu para fora, desperdiçando grande chance. E após grande confusão na área da Ferroviária, o atacante Wesley bateu para o gol e empatou a partida, aos 12 minutos. Aos 32 minutos, Tom bateu cruzado e obrigou Tadeu a fazer boa defesa. Por muito pouco, a Ferroviária voltou a ficar na frente no mesmo minuto, quando Hygor cruzou fechado, a bola passou por todo mundo e carimbou a trave. Aos 36 minutos, Damasceno cruzou na área, a defesa não afastou e a bola sobrou no pé do Hygor, que bateu para o gol e fez mais um. A Inter respondeu aos 41 minutos, com chute muito perigoso de Balardini, que foi para fora. O time visitante se lançou ao ataque e, após várias tentativas de finalizar, Wesley pegou de primeira para empatar novamente o jogo e levar para os pênaltis.
Patrick foi para a primeira cobrança da Ferroviária e marcou, assim como Tom na primeira da Inter. Mas Elton mandou perdeu a segunda cobrança da Ferroviária, mas, para sua sorte, Lucas Douglas, da Inter, também mandou para a fora. Na terceira cobrança, Vançan marcou para a Ferroviária. Wesley marcou desta vez e igualou as cobranças. Na quarta cobrança, Sacramento foi para a bola e fez 3 a 2 para a Ferroviária. Jonathan parou em Tadeu e a Ferrinha ficou a uma cobrança do título. Mas Damasceno foi para a bola e Rafael Pin defendeu. Vinícius Pedalada soltou a bomba e empatou em 3 a 3. Nas cobranças invertidas, Caio Mancha bateu com tranquilidade e fez 4 a 3. Luis Roberto não desperdiçou e deixou tudo igual novamente. Arthur e Calixto fizeram 5 a 5 nas cobranças. Íkaro e Raniele fizeram para a Ferroviária e Balardini para a Inter, mas Marquinhos parou em Tadeu e a Ferroviária se sagrou campeã da Copa Paulista.

FICHA TÉCNICA
Ferroviária 2 x 2 Internacional
Data: 25/11/2017
Horário: 18h00
Local: Fonte Luminosa - Araraquara - SP
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Mauro André de Freitas
Renda: R$ 97.355,00
Público: 10.998 pagantes
Cartões Amarelos
Ferroviária: Caio Mancha
Gols
Ferroviária: Hygor 16' 1T, Hygor 37' 2T
Internacional: Wesley 12' 2T, Wesley 48' 2T

Ferroviária
Tadeu; Daniel Vançan, Élton, Patrick e Arthur; Willian Favoni, Íkaro, Elvis (Danilo Sacramento) e Hygor (Raniele); Léo Castro (Caio Mancha) e Damasceno.
Técnico: PC Oliveira

Internacional
Rafael Pin; Vinicius Pedalada, Balardini, Nikolas e Malcon; Teco (Luis Roberto), Marquinhos e Moisés (Jonathan); Tom, Wesley e Lucas Douglas.
Técnico: João Valim

Foto: Leonardo Fermiano

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply