#futebolrc

    ...
... ... ... ... ...

Notícias

Rádios
Rádios
Rádios
Rádios
» » » » » » Paulistano é campeão paulista de basquete

O Paulistano é campeão paulista de basquete ao derrotar a equipe de Franca por 91 a 76, no jogo cinco das finais da competição. Jogando fora de casa, no Ginásio Pedrocão, a equipe da capital de São Paulo não se intimidou e foi em busca de seu primeiro título estadual. O atual vice-campeão brasileiro, só havia chegado ao máximo nas semifinais do Campeonato Paulista do esporte, em 2005, 2009 e 2013. Por outro lado, a cidade de Franca ia atrás de sua 12ª conquista da competição. Até a disputa do jogo cinco, a série permanecia imprevisível. O fator casa não foi tão determinante nas partidas da final, já que ambas as equipes deixaram um jogo escapar em seus domínios, além do equilíbrio no placar de todos os duelos, com exceção do jogo quatro, vencido pelo time da capital.
No primeiro quarto da grande decisão, os visitantes conseguiram abrir 10 pontos de diferença no placar, liderados por Fuller, Elinho e Du Sommer. Os donos da casa foram atrás da reação, diminuíram a vantagem e perderam o período por 24 a 16. No segundo quarto, o Paulistano chegou a liderar por 32 a 18, mas passou a cometer faltas bobas de ataque e permitiu uma diminuição de sua própria vantagem no marcador. O Franca, com um maior volume de jogadas de isolamento, boa rotação nos passes de perímetro e contando com a ineficiência ofensiva adversária, conseguiu ir para o intervalo com um empate no placar.
Com a volta do intervalo, as duas equipes pareciam nervosas no confronto. Antes mesmo da metade do terceiro quarto, o Franca já tinha estourado o número de faltas coletivas, fazendo com que novas penalidades resultassem em cobranças de lances livres para o Paulistano. O restante da parcial viu um equilíbrio maior entre os dois rivais. Os donos da casa começaram melhor, abriram certa diferença no placar, mas viram os visitantes encostarem no marcador, comandados por Eddy e Lucas Dias, que acertaram bolas de três cruciais. Com isso, o Paulistano foi para o último quarto da competição liderando por 60 a 58. No último período, o clube da capital passou a cadenciar seus ataques, diminuindo o ritmo da partida e deixando o tempo correr. A estratégia pareceu dar certo: com três minutos de disputa, os visitantes abriram 67 a 60 com uma bola de três decisiva de Fuller. Enquanto o Franca via um desperdício muito grande de seus ataques, não conseguindo pontuar, o Paulistano acertava seus arremessos de longa distância e aumentava a vantagem no marcador. Na reta final, os donos da casa não foram capazes de chegar em uma reação, viram a equipe vermelha vencer por 91 a 76 e garantir o título inédito.

Foto: Divulgação/Paulistano

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply