Notícias

Palmeiras vence Botafogo-SP com gol de Borja e lidera o grupo C do Paulista

O Palmeiras, no Estádio Santa Cruz, contou com um gol do centroavante Miguel Borja para ganhar do Botafogo-SP por 1 a 0. Com seis pontos ganhos, dois a mais que Novorizontino e São Bento, o Palmeiras figura como líder isolado de sua chave no torneio estadual. Já o Botafogo-SP, ainda em busca dos primeiros pontos, é o último colocado do Grupo D. Pela terceira rodada do Campeonato Paulista, às 21 horas (de Brasília) desta quinta-feira, o Palmeiras volta a campo para enfrentar o Red Bull, no Estádio Palestra Itália. Já o Botafogo-SP, às 19h30 de quarta, encara o Novorizontino, novamente no Santa Cruz.
O Palmeiras manteve a posse de bola durante a maior parte do primeiro tempo, mas foi incapaz de criar chances de gol e viu o volante Felipe Melo falhar ao tentar lançamentos longos. O Botafogo-SP chegou a incomodar o goleiro Jailson na etapa inicial. Após cobrança de falta de Dodô, o palmeirense espalmou e Antônio Carlos impediu Naylhor de completar. Lelê deu trabalho a Marcos Rocha e, após arrancar pela esquerda, cruzou para finalização perigosa de Bruno Moraes.
Borja recebeu lançamento de Antônio Carlos, mas o goleiro Tiago Cardoso se antecipou. O camisa 1 botafoguense voltou a trabalhar ao espalmar chute de fora da área desferido por Willian.
No segundo tempo, o Palmeiras atingiu o objetivo do gol logo aos oito minutos. Em uma saída errada do Botafogo-SP, Willian conseguiu tomar a bola. O atacante tabelou com Borja pela direita e cruzou para o próprio colombiano completar. O Palmeiras assustou novamente em um chute de Willian pela direita, defendido por Tiago Cardoso, e em finalização de calcanhar de Dudu, espalmada pelo goleiro botafoguense. Pouco depois, aplaudido pela torcida, Keno foi colocado por Roger Machado no lugar de Borja. Em sua última participação antes de sair para a entrada do volante Bruno Henrique, Lucas Lima acertou o travessão adversário em cobrança de falta. O Palmeiras ainda desperdiçou boa chance de aumentar com Dudu, que chegou a driblar o goleiro e perdeu a bola.

Foto: Celio Messias

Nenhum comentário