Notícias

Sheik decide e Corinthians vence Deportivo Lara

Emerson Sheik, na noite desta quarta-feira, no estádio de Itaquera, tirou o Corinthians do sufoco diante do bem treinado Deportivo Lara, acertou uma linda cabeçada na metade do segundo tempo e abrindo caminho para a vitória por 2 a 0, primeira do clube nesta edição da Copa Libertadores da América. E foi completando o placar, que Pernía, desviou cruzamento de Rodriguinho e decretou os números finais para que o Timão ultrapassasse os venezuelanos na tabela de classificação, chegando à liderança provisória com quatro pontos conquistados contra três do rival desta noite. A definição do posicionamento só ficará uniforme nesta quinta-feira, com o resultado do embate entre Independiente e Millonarios, na Argentina. Na próxima rodada da chave, os alvinegros terão pela frente a equipe do Independiente, em duelo marcado para o dia 18 de abril, às 21h45 (de Brasília), no estádio Libertadores da América, em Avellaneda, na Argentina. Um dia antes, o Lara faz uma visita ao Millonarios, em Bogotá, na Colômbia, às 21h30 (de Brasília).
O primeiro lance de perigo demorou a acontecer. Após reclamação de pênalti em cima de Romero, que recebeu lançamento em profundidade e trombou com o goleiro Salazar, foi Clayson quem foi para cima de dois venezuelanos, cortou para o meio ao tabelar com Gabriel e bateu forte. Salazar saltou para fazer a defesa e chegou a espalmar, mas ninguém do Timão chegou para conferir.
O ritmo caiu um pouco depois dos 20 minutos de bola rolando, com o Lara fechando bastante os espaços e procurando direcionar as jogadas até Romero, com menos jogo de um contra um do que Clayson. O paraguaio, no entanto, sofreu falta na entrada da área e só não iniciou o lance que terminou em pênalti no zagueiro Balbuena porque o juiz Raúl Orosco ignorou puxão de camisa no corintiano na cobrança de Fagner. No único chute do adversário, Cássio quase aceitou bola fraca de Pedro, mas conseguiu mandar para fora.
Na etapa final, o Corinthians continuou refém das jogadas individuais e das espaçadas descidas de Fagner pela direita, ambos sempre levando vantagem sobre a marcação. Fábio Carille mandou a campo o garoto Mateus Vital na vaga de Maycon, abrindo mão de um volante.  Emerson Sheik, então sumido, dominou bola na área e ajeitou para Romero, que cruzou na medida para ele testar para o chão e vencer o goleiro Salazar. Sheik pediu para sair logo na sequência. Aos 31 minutos, Clayson deu belo toque de letra para Rodriguinho. Calmamente, o meia conduziu a bola pela esquerda e cruzou para a área. Pernía tentou interceptar e desviou para trás, tirando o goleiro Salazar da jogada e ampliando o placar para os anfitriões. Junior Dutra, entrou pressionando bastante a defesa adversária, mas não conseguiu ampliar e sequer o Lara conseguiu diminuir a desvantagem.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 0 DEPORTIVO LARA-VEN

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo-SP
Data: 14 de março de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Raúl Orosco (Bolívia)
Assistentes: Edwar Saavedra e Reluy Vallejos (ambos da Bolívia)
Público: 31.524 pagantes
Renda: R$ 2.095.062,95
Cartões amarelos: Júnior Dutra (Corinthians); Pernía e Andreutti (Lara)
Gols:
CORINTHIANS: Emerson Sheik, aos 20, e Pernía, contra, aos 31 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel, Maycon (Mateus Vital), Romero, Rodriguinho, Emerson Sheik (Júnior Dutra) e Clayson (Pedrinho)
Técnico: Fábio Carille

DEPORTIVO LARA-VEN: Carlos Salazar; Aponte, Mendoza, Pernía e Chaurant; Sierra, Andreutti, Reyes (Cardozo), Ramírez e Soto (Valderrey); Hernández (González)
Técnico: Leonardo González

Foto: Sergio Barzaghi

Nenhum comentário