Notícias

Edu Gaspar defende Neymar de forma deprimente


Por Peter Müller*

Após a eliminação da seleção brasileira para a Bélgica nas quartas de finais da Copa do Mundo, o coordenador técnico da seleção brasileira, Edu Gaspar, falou com jornalistas sobre a seleção e Neymar.


Após assistir essa coletiva de Edu Gaspar, cheguei a conclusão de que essa comissão técnica formada pelo técnico, Tite, não teve a competência para administrar os problemas do craque da seleção.  

Não é fácil ser Neymar?

Ora, o jogador é um dos melhores do mundo, jogou com Messi no Barcelona, foi a maior contratação da história do futebol pelo PSG, desde os doze anos de idade recebia um bom salário do Santos, é paparicado por tudo e por todos que os cercam, é um dos atletas mais ricos do mundo, uma verdadeira estrela. E ele não pode ser cobrado? 

Um atleta da qualidade dele tem o onus e tem o bonus da carreira. Ele que tem que enfrentar o desafios das críticas, por sinal muitas das criticas feita ao atleta são de situações nas quais o próprio ocasiona. Não precisa de ninguem vir falar que ta com pena do atleta.

Depois dessa declaração de Edu Caspar, pra mim ficou claro que ele não pode continuar como coordenador técnico da seleção e o próprio Tite começa a ser questionado em relação as soluções sobre os bastidores da seleção.  

Nenhum comentário